Conecte-se com a gente!

Notícias

Criança morre depois de ser arranhada por morcego na Flórida

Garoto teria sido arranhado e desenvolveu rapidamente os sintomas da raiva.

Publicado

em

EUSTIS, FL –  Um jovem morreu de raiva depois de ter sido arranhado por um morcego.

De acordo com funcionários da escola Christian Academy, em Eustis, na Flórida, Ryker Roque foi infectado semanas atrás por um morcego que o pai encontrou caído o quintal.

O pai, mesmo depois da notícia dos médicos de que o filho não sobreviveria, tinha esperanças de que um milagre pudesse acontecer.

“Já vi mil milagres. E voltei para a cama e deitei com ele e segurei-o, e disse:” Milagres, Ryker, acontecem todos os dias, eu sei que você me ouve “, disse Henry Roque.

O pai que havia encontrado o morcego e colocado num balde, pediu que Ryker não tocasse no animal.

Mas Ryker tocou e foi arranhado pelo morcego. Segundo registros feitos pelas autoridades locais, baseando-se no depoimento do pai, Ryker parecia estar bem.

Uma semana depois, a criança perdeu o movimento das pernas e “confusão mental”, tendo alucinações e convulsões.

Ryker foi hospitalizado e um tratamento experimental foi usado, mas ele morreu no domingo (14).

A escola realizou uma arrecadação de fundos para ajudar a família com despesas médicas.

“Ele era um garoto muito doce. Tudo o que ele fazia era bom. As crianças adoravam brincar com ele porque ele era o filho mais gentil”, disse Connor Jenkins, da pré-escola da Academia Cristã.

A escola publicou sobre a morte do menino em seu site, dizendo que ele frequentou as aulas em 2016. A postagem descrevia Ryker Roque como  “um menino quieto adorado por professores e colegas de classe”.

Henry Roque, o pai de Ryker, levou um vídeo dos dois em uma viagem de pesca e disse que eles estavam tão perto quanto pai e o filho poderiam ser.

Ele compartilhou fotos e vídeos de seu filho com o canal de tv WFTV, de Orlando, para mostrar para o mundo quanto ele amava seu filho.

Uma conta do GoFundMe também foi criada para ajudar a família realizar o funeral.

Notícias

Temporada de furacões será mais forte que do ano passado

Prepare-se: serão mais de 20 situações onde três delas podem se tornar ferozes furacões que podem alcançar a categoria 5.

Publicado

em

Imagem de satélite do furacão Isabel, de 2003. (Arquivo)

ORLANDO, FL – A temporada de furacões esse ano promete ser ainda mais forte e mais chocante do que no ano passado. Ao menos é o que prevê um estudo da Colorado State University.

Divulgado nessa quinta-feira, os dados mostram que a atividade é maior com mais furacões previstos do que no ano passado.

Serão 14 tempestades, 7 furacões e no mínimo 3 grandes furacões como o Irma que arrasou Porto Rico no ano passado e boa parte do sul da Flórida.

A justificativa é que o fenomeno La Niña está de volta.

Para saber:

  • Tempestades: são aquelas que vem com força mas que podem apenas se transformarem em tempestades tropicais.
  • Furacões: ventos de até 110 milhas por hora e que podem ser de Categoria 1 e 2.
  • Grandes Furacões: são os que ultrapassam 110 milhas por hora e figuram entre as categorias 3-5.

Continue lendo

Notícias

Polícia procura marginal que está a solta em Orlando

Segundo a polícia ele está armado e é muito perigoso.

Publicado

em

ORLANDO, FL – Foi divulgado pelo departamento de polícia de Orlando, um retrato falado do criminoso que está aterrorizando Orlando e as cidades no entorno.

Na quarta (04) ele atacou uma mulher do lado de fora do PetCo e roubou um Walgreens que fida próximo da Orange Blosson Trail com a Sand Lake Rd.

Além disso ele é responsável pelo roubo de um Dunkin Donuts no sábado, atirou numa pessoa num caixa eletrônico no domingo e roubou um carro.

A policia voltar a informar que o bandido está armado e é muito perigoso.

Continue lendo

Notícias

Dois mortos em acidente aéreo na região de Daytona Beach

Uma testemunha viu o avião cair e acionou a polícia pelo 911.

Publicado

em

Destroços do avião que segundo testemunhas a asa teria sido arrancada antes de cair. (Wesh2)

DAYTONA BEACH, FL – Dois homens morreram num acidente de avião em Daytona Beach, na manhã desta quarta-feira (04).

Eles foram identificados como o veterenado da marinha Zachary Capra e o piloto John S. Azma.

Capra tinha 25 anos, estava estudando para ser piloto e pretendia graduar este verão em Aeronautica. Ele serviu na marinha de 2012 a 2016.

Azma foi condecorado pela FAA e tinha proficiência como instrutor de voo. Ele tinha ao menos 20 anos de experiencia voando.

O acidente foi reportado por uma testemunha que viu o avião caindo por volta das 9:54am da manhã. Ela ligou para o 911.

Continue lendo
Publicidade

CANAL DO PS NO YOUTUBE

TWITTER DO PS

MAIS LIDAS