Conecte-se com a gente!

Notícias

Dançarinos de Katy Perry farão workshops em três capitais brasileiras

Eles acompanham Katy Perry na turnê Prismatic e vão dançar no Rock in Rio e em outros shows pelo país. E você pode fazer uma master class de dança com eles.

Publicado

em

Khasan Brailsford na Prismatic World Tour. (Divulgação)
Leah Adler é uma das preferidas de Katy Perry. (Divulgação)

Leah Adler é uma das preferidas de Katy Perry. (Divulgação)

O mercado da música começa a se agitar com a chegada do Rock in Rio. E muitos eventos paralelos estão marcados para acontecer no país em setembro. Entre eles, alguns workshops com grandes nomes da dança.

Os dançarinos Khasan Brailsford e Leah Adler serão os protagonistas de um dos mais concorridos eventos da área no país. Eles acompanham a diva pop Katy Perry que, além do Rock in Rio, faz também shows em outras capitais do Brasil.

Khasan Brailsford, dançarino de Katy Perry. (Divulgação)

Khasan Brailsford, dançarino de Katy Perry. (Divulgação)

O californiano Khasan Brailsford estudou na Borda Performin Arts Center e já viajou em turnê com astros e estrelas como Pink, Jennifer Lopez, Rihanna, Beyoncé, Kelly Rowland, Paulina Rubio e Kylie Minogue entre outros. Ele foi assistente de coreógrafo do videoclipe “Videophone” estrelado por Beyoncé e Lady Gaga.

Já Leah Adler é considerada a mais talentosa dançarina da atualidade. Ela foi indicada ao Teen Choice Awards e foi destaque na turnê California Dream Tour de Katy Perry. Adler esteve também em uma das edições do reality de dança “Dancing with the Stars”.

Os workshops são voltados para profissionais e não profissionais, além de pessoas que apenas gostam de dançar. É uma experiência inesquecível e uma chance única de ter uma “master class” com dois grandes artistas do mercado pop mundial.

Khasan e Leah estarão em São Paulo (24), Rio de Janeiro (26) e também em Curitiba (28). A organização ainda não divulgou informações sobre a venda de ingressos para quem quer participar.

Khasan Brailsford na Prismatic World Tour. (Divulgação)

Khasan Brailsford na Prismatic World Tour. (Divulgação)

 

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe um reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Especial

Harrison Ford vira herói na vida real e ajuda motorista que caiu numa ribanceira

Ator estava atrás do carro da mulher que perdeu o controle e atravessou a pista.

Publicado

em

O ator Harrison Ford, de 72 anos. (Divulgação)

SANTA PAULA, CA – Harrison Ford ajudou no resgate de uma motorista que caiu com o carro num aterro no Condado de Ventura.

Segundo as informações da CBS de Los Angeles, o ator de 75 anos, prestou socorro ao motorista que perdeu o controle do carro e caiu numa ribanceira na Road 126 em Santa Paula, na Califórnia.

O acidente aconteceu no domingo, perto do meio dia, e o ator que já interpretou grandes heróis no cinema como Han Solo e Indiana Jones, foi extremamente solícito.

Segundo o site TMZ, que publicou primeiro a história, Ford estava dirigindo em Santa Paula, na Rota 126, quando uma mulher perdeu o controle de seu veículo e atravessou a estrada e caiu no que se pode chamar de um “aterro”. Ford estava viajando atrás dela e imediatamente parou para prestar assistência.

Além dele, outras pessoas também pararam para tentar ajudar a motorista. Foi Harrison Ford que conseguiu, com a ajuda de outras pessoas, tirar a mulher do carro e mantenhamo-nos-la numa situação mais calma e tranquila até a chegada dos paramédicos. Segundo ainda o TMZ, ela foi levada para uma sala de emergência com apenas pequenas escoriações.

 

Continue lendo

Policia

Motorista da Amazon Flex acusado de tentar roubar pacote de cliente

O entregador foi flagrado na camera de segurança no momento da entrega que ele “quase” não efetuou.

Publicado

em

O entregador foi flagrado pela câmera de segurança. No vídeo é possível ver que ele desiste de entregar o item. (CBS)

SACRAMENTO, CA — Conforme os feriados vão se aproximando, também começa a temporada de entrega de pacotes de compras on-line.

O programa da Amazon conhecido como “Flex Drivers” está em ampla aplicação em várias regiões do país. Em Sacramento, na Califórnia, eles estão contratando motoristas para usar o próprio carro para entregar os itens comprados no site da Amazon.

Mas recentemente, um cliente disse que um dos motoristas tentou roubar o pacote que ele deveria entregar.

Os motoristas potenciais do programa de “Flex Drivers” da Amazon passam por uma extensa checagem de antecedentes, mas um motorista disse à CBS que não existe uma entrevista real no processo. Uma vez contratado, Amazon diz que os motoristas ajudam a levar os itens que as pessoas precisam com mais rapidez e agilidade.

“É simplesmente inacreditável”, disse Tony, o cliente que quase foi lesado.

Ele é um daqueles compradores inveterados da Amazon e recebe a entrega dos pacotes com bastante frequência, mas umas noites atrás ele disse que o homem que faz a entrega tentou levar suas compras embora.

“Ele estava simplesmente pegando os pacotes”, disse o cliente.

O homem que mora em Antilope junto com a familia assistiu aos videos do circuito de segurança da casa em sua tv na sala de estar quando o homem chegou. O video mostra o homem andando com o pacote bem próximo da driveway. Então, parece que ele está fazendo uma foto da encomenda – como mandam as regras da Amazon – para confirmar que a entrega foi de fato realizada. Porém, ao invés de colocar o pacote na porta, ele vira e volta em direção ao carro.

Tony flagou toda a situação e informou a Amazon sobre o incidente. (CBS)

A mãe do cliente saiu de casa e chamou a atenção do homem. Ele parou o carro, saiu e entregou a encomenda. O homem, não identificado, pediu desculpas por estar pegando a caixa.

Ele era um dos Amazon Flex Drivers. O programa permite que pessoas comum trabalhem com a entrega de encomendas da Amazon utilizando roupas normais do dia a dia em seus próprios carros.

Qualquer pessoa pode se habilitar para trabalhar na companhia como um flex driver e ganhar entre $18 e $25 por hora. A empresa disse que os candidatos precisam passar por um forte sistema de checagem de antecedentes que pode levar de 24 a 48 horas.

Com a chegada dos feriados, Tony já adiantou que vai prestar mais atenção em quem está entregando as encomendas e espera que a Amazon tome alguma atitude contra o motorista que tentou, supostamente, roubar a sua.

Amazon enviou um comunicado dizendo: “Nós temos regras e padrões elevados para nossos parceiros de entregas e levamos muito à serio o feedback dos consumidores. Nós estamos analisando o incidente e vamos continuar trabalhar diretamente com os consumidores em problemas relacionados à suas entregas”.

A cidade de Sacramento é um dos 20 mercados que possuem o programa “Amazon Flex” de entregas. E existe uma fila gigante de pessoas que querem trabalhar para a empresa.

Continue lendo

Notícias

Avião faz pouso forçado em estrada da Flórida

O piloto tentou pousar num espaço vazio de uma rodovia, mas a asa do avião bateu numa árvore causando o acidente.

Publicado

em

CLEARWATER, FL – Um piloto e um passageiro saíram ilesos de um acidente aéreo na Flórida no último domingo (19).

Um monomotor fez um pouso forçado em uma rodovia próxima do Aeroporto de Clearwater. Os policiais de Pinellas County estavam parados na North Keene Road quando o avião começou a fazer o pouso.

As câmeras on board das viaturas registraram o momento do acidente que aconteceu antes das 10:30am de domingo.

Segundo informações da BBC, os policiais estavam atendendo uma outra ocorrência quando flagraram o pouso forçado do pequeno avião em meio a uma estrada com tráfego normal.

O piloto disse que o motoro teve problemas enquanto ele estava no ar e disse aos investigadores que ele não imaginava que conseguiria retornar ao Airpark de Clearwater e então começou a procurar um lugar seguro para pousar.

Ele conseguiu avistar uma viatura próximo do cruzamento entre a Keene Road e a Sunset Point Road e percebeu o que poderia ser um “buraco” vazio no transito, o que daria tempo de fazer o pouso do avião.

O problema é que a asa esquerda acabou batendo em uma árvore, o que fez o avião rodar e bater.

Os policiais de Pinellas County disseram que o piloto e o passageiro recusaram tratamento medico.

A investigação do acidente está a cargo da agência da Flórida da Administração Federal da Aviação (FAA) e a agência National Transportation Safety Board (NTSB).

Avião rodou e bateu. Piloto e passageiro não tiveram ferimentos. (ABC)

 

Continue lendo
Publicidade

CANAL DO PS NO YOUTUBE

TWITTER DO PS

MAIS LIDAS